Economize em seus medicamentos

    Conheça o Dr. Entrega
    Azi: Compreenda sua finalidade!

    Azi: Compreenda sua finalidade!

    Azi comprimidos revestidos é indicado em infecções causadas por organismos suscetíveis, em infecções do trato respiratório inferior incluindo bronquite e pneumonia, em infecções da pele e tecidos moles, em otite média aguda e infecções do trato respiratório superior incluindo sinusite e faringite/tonsilite.

    Nas doenças sexualmente transmissíveis no homem e na mulher, Azi é indicado no tratamento de infecções genitais não complicadas devido a Chlamydia trachomatis.

    É também indicado no tratamento de cancro devido a Haemophilus ducreyi, e em infecções genitais não complicadas devido a Neisseria gonorrhoeae sem resistência múltipla. Infecções concomitantes com Treponema pallidum devem ser excluídas.

    COMPARE AQUI OS MELHORES PREÇOS DE AZI!

    • Varfarina Sódica

      Varfarina Sódica

      4 apresentações
      R$ 3,76
      R$ 3,76

    Antes de utilizar, é importante saber:

    Estenose hipertrófica pilórica infantil

    Estenose pilórica hipertrófica infantil vem sendo relada após o uso de azitromicina em neonatos (tratamento em até 42 dias de vida). Parentes e cuidadores devem ser informados para entrar em contato com o médico caso ocorra vômito ou irritabilidade decorrente da alimentação.

    Derivados de ergotamina

    Em pacientes recebendo derivados do ergô, o ergotismo tem sido acelerado pela coadministração de alguns antibióticos macrolídeos. Não há dados a respeito da possibilidade de interação entre ergô e azitromicina. Entretanto, devido a possibilidade teórica de ergotismo, azitromicina e derivados do ergô não devem ser coadministrados.

    Superinfecção

    Assim como com qualquer preparação de antibiótico, é recomendável a constante observação dos sinais de crescimento de organismos não suscetíveis, incluindo fungos.

    Como armazenar:

    Azi® comprimidos revestidos deve ser conservado em temperatura ambiente (entre 15 e 30ºC), protegido da luz e umidade e pode ser utilizado por 24 meses a partir da data de fabricação.

    Número de lote e datas de fabricação e validade: vide embalagem.

    Não use medicamento com o prazo de validade vencido. Guarde-o e sua embalagem original. Antes de usar, observe o aspecto do medicamento. Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.

    Características físicas e organolépticas

    Comprimidos revestidos na cor branca, oblongo e monossectado.

    Nomes comerciais:

    Astro Comprimido; Azitromed; Azitrophar; Azinostil; Selimax Pulso; Tromizir; Zitroneo; Zitrobiol; Zolprox; Zimicina; Zitromil; Teutrazi; Astro IV; Azi Comprimido; Zitromax IV; Zitromax; Azitrogan; Azitrolab; Azitrax Gu; Azitromicil; Azi Suspensão Oral; Azimed; Clindal AZ; Mazitrom; Zidimax; Zitromicin; Selimax; Azicin; Azi Iv; Astro Suspensão; Tevazi

    Formas de tomar:

    Uso em Adultos

    Para o tratamento de doenças sexualmente transmissíveis causadas por Chlamydia trachomatis, Haemophilus ducreyi ou Neisseria gonorrhoeae suscetível, a dose é de 1000 mg em dose oral única.

    Uso em Crianças

    A dose máxima total recomendada para qualquer tratamento em crianças é de 1500 mg.

    Pacientes Idosos

    A mesma dose utilizada em pacientes adultos pode ser utilizada em pacientes idosos. Pacientes idosos podem ser mais susceptíveis ao desenvolvimento de arritmias Torsades de Pointes do que pacientes mais jovens.

    Pacientes com Insuficiência Renal

    Não é necessário ajuste de dose em pacientes com insuficiência renal leve a moderada (taxa de filtração glomerular 10 – 80 mL/min). No caso de insuficiência renal grave (taxa de filtração glomerular < 10 mL/min) azitromicina deve ser administrado com cautela.

    Pacientes com Insuficiência Hepática

    As mesmas doses que são administradas a pacientes com a função hepática normal podem ser utilizadas em pacientes com insuficiência hepática leve a moderada.

    Efeitos colaterais:

    Distúrbios do Sanguíneo e Linfático

    Episódios transitórios de uma leve redução na contagem de neutrófilos foram ocasionalmente observados nos estudos clínicos.

    Distúrbios do Ouvido e Labirinto

    Disfunções auditivas, incluindo perda de audição, surdez e/ou tinido, foram relatados por pacientes recebendo azitromicina. Muitos desses eventos foram associados ao uso prolongado de altas doses em estudos clínicos. Nos casos em que informações de acompanhamento estavam disponíveis, foi observado que a maioria desses eventos foi reversível.

    Distúrbios Gastrintestinais

    Náusea, vômito, diarreia, fezes amolecidas, desconforto abdominal (dor/cólica) e flatulência.

    Distúrbio Hepatobiliar

    Disfunção hepática.

    Distúrbios da Pele e Tecido Subcutâneo

    Reações alérgicas incluindo rash e angioedema. Em experiência pós-comercialização, foram relatados os seguintes efeitos indesejáveis: Infecções e Infestações: monilíase e vaginite.

    Distúrbios Sanguíneo e Linfático

    Trombocitopenia.

    Distúrbio do Sistema Imunológico

    Anafilaxia (raramente fatal).

    Distúrbio do Metabolismo e Nutrição

    Anorexia.

    Distúrbios Psiquiátricos

    Reação agressiva, nervosismo, agitação e ansiedade.

    Distúrbios do Sistema Nervoso

    Tontura, convulsões, cefaleia, hiperatividade, hipoestesia, parestesia, sonolência e desmaio. Casos raros de distúrbio de paladar/ olfato e/ou perda foram relatados.

    Distúrbios do Ouvido e Labirinto

    Surdez, zumbido, alterações na audição, vertigem.

    Distúrbios Cardíacos

    Palpitações e arritmias incluindo taquicardia ventricular foram relatadas. Há relatos raros de prolongamento QT e Torsades de Pointes.

    Distúrbio Vascular

    Hipotensão.

    Distúrbios Gastrintestinais

    Vômito/diarreia (raramente resultando em desidratação), dispepsia, constipação, colite pseudomembranosa, pancreatite e raros relatos de descoloração da língua.

    Distúrbios Hepatobiliares

    Hepatite e icterícia colestática foram relatadas, assim como casos raros de necrose hepática e insuficiência hepática, a qual resultou em morte.

    Distúrbios da Pele e Tecido Subcutâneo

    Reações alérgicas incluindo prurido, rash, fotossensibilidade, edema, urticária e angioedema.

    Foram relatados raros casos de reações dermatológicas graves, incluindo eritema multiforme, síndrome de Stevens Johnson (SSJ), Necrólise Epidérmica Tóxica (NET) e Reações Adversas a Medicamentos com Eosinofilia e Sintomas Sistêmicos (DRESS - Drug Reaction with Eosinophilia and Systemic Symptoms).

    Distúrbio Músculo-Esquelético e Tecido Conjuntivo

    Artralgia.

    Distúrbios Renais e Urinário

    Nefrite intersticial e disfunção renal aguda.

    Distúrbios Gerais

    Astenia, cansaço, mal-estar.

    Gravidez:

    Estudos foram realizados com doses até a concentração moderadamente tóxica para a mãe. Nestes estudos não foram encontradas evidências de danos ao feto devido à azitromicina. No entanto, não existem estudos adequados e bem controlados em mulheres grávidas.

    Como os estudos de reprodução em animais não podem sempre prever a resposta humana, azitromicina só deve ser usado durante a gravidez se houver clara necessidade.

    Contraindicações:

    Azi é contraindicado a indivíduos com hipersensibilidade à azitromicina, eritromicina, a qualquer antibiótico macrolídeo, cetolídeo ou a qualquer componente da fórmula.