Economize em seus medicamentos

    Conheça o Dr. Entrega
    Cardioxane: contra o câncer de mama!

    Cardioxane: contra o câncer de mama!

    Cardioxane é um medicamento intravenoso utilizado em pacientes com câncer de mama em estágios avançados. Seu princípio ativo é o Cloridrato De Dexrazoxano.

    COMPARE AQUI OS MELHORES PREÇOS DO MEDICAMENTO CARDIOXANE

    • Giamebil Xarope 60 Ml

      Giamebil Xarope 60 Ml

      1 apresentações
      R$ 46,99
      R$ 46,99


    O que é

    O Cardioxane é usado para a prevenção da cardiotoxicidade cumulativa crônica causada pelo uso de doxorrubicina ou de epirrubicina em pacientes adultos com câncer de mama em estágio avançado ou metastático que receberam uma dose cumulativa prévia de 300 mg/m2 de doxorrubicina ou uma dose cumulativa prévia de 540 mg/m2 de epirrubicina, quando a continuidade do tratamento com antraciclinas é requerida.

    Você pode encontrar as mais variadas ofertas e promoções deste remédio em nosso site!


    Interações medicamentosas

    O uso deste medicamento pode potencializar a toxicidade induzida pela quimioterapia ou radiação, requerendo um controle cuidadoso dos parâmetros hematológicos durante os primeiros ciclos do tratamento. Cloridrato De Dexrazoxano não deve ser misturado a outros fármacos durante a infusão. É contraindicado o uso concomitante de Cloridrato De Dexrazoxano com a vacina da febre amarela, sob o risco de evolução fatal. Outras vacinas vivas atenuadas devem ser usadas com precaução, devido ao risco de doença sistêmica, possivelmente fatal.

    Este risco é aumentado em indivíduos que já estão imunodeprimidos pela sua doença subjacente. Use uma vacina inativada, onde esta existir. Como todo agente citotóxico, Cloridrato De Dexrazoxano pode reduzir a absorção de fenitoína, com a consequente possível exacerbação de quadros convulsivos. O uso concomitante de ciclosporina e tacrolimus deve ser avaliado com cautela em função do acúmulo de efeitos imunossupressores, com risco de induzir doença linfoproliferativa.


    Formas de tomar

    O medicamento em destaque deve ser administrado por infusão intravenosa rápida durante 15 minutos, aproximadamente meia hora antes da administração da antraciclina, a uma dose 10 vezes superior à dose equivalente de doxorrubicina, ou a uma dose 10 vezes superior à dose equivalente de epirrubicina. Exemplificando, se esquema de dose utilizado para doxorrubicina for de 50 mg/m2, Cloridrato De Dexrazoxano deve ser administrado na dose de 500 mg/m2.

    Caso o esquema de dose utilizado for epirrubicina 60 mg/m2, Cloridrato De Dexrazoxane deve ser administrado na dose de 600 mg/m2.

    Uso em populações especiais:

    Pacientes pediátricos:

    A segurança e a eficácia de Cardioxane em crianças de 0 a 18 anos ainda não foram completamente estabelecidas.

    Insuficiência renal:

    Nos pacientes com insuficiência renal moderada à grave (clearence de creatinina < 40 mL/min), a dose de Cloridrato De Dexrazoxano deve ser diminuída em 50%.

    Insuficiência hepática:

    Nos pacientes com insuficiência hepática a dose de Cloridrato De Dexrazoxano deve manter a relação de proporcionalidade, sendo ajustada de acordo com a dose de antraciclina.

    Cuidados de Administração:

    O conteúdo de cada frasco-ampola de Cloridrato De Dexrazoxano liofilizado deve ser reconstituído, sob condições assépticas, com 25,0 mL de água estéril para preparações injetáveis. O conteúdo se dissolverá em poucos minutos, sob agitação suave. A solução resultante tem um pH de aproximadamente 1,6. Essa solução precisa ser diluída novamente antes de ser administrada ao paciente, para que seja evitado o risco de tromboflebite no local da aplicação intravenosa. O conteúdo do frasco-ampola deve ser misturado e rediluído assepticamente com solução de Ringer lactato ou solução de lactato de sódio 0,16 M. O volume final deve ser proporcional ao número de frascos de Cloridrato De Dexrazoxano usado e pode variar de 25 a 100 mL por frasco.

    Cloridrato De Dexrazoxano deve ser usado uma única vez, logo após reconstituição e diluição, pois não contém conservantes. Uma vez reconstituído e diluído, sua estabilidade química e física é de 4 horas, se armazenado entre 2°e 8°C e protegido da luz.

    Os mesmos procedimentos normalmente recomendados para o manuseio de produtos quimioterápicos devem ser observados com Cloridrato De Dexrazoxano. O uso de luvas e roupas de proteção é recomendado durante a preparação da solução. Se o pó ou a solução de Se este medicamento entrar em contato com a pele ou mucosas, lavar imediatamente a área afetada com água corrente e sabão. A manipulação não deve ser realizada por mulheres grávidas.


    Efeitos colaterais

    O Cardioxane pode causar alguns efeitos colaterais, os mais comuns são:

    • Leucopenia;

    • Anemia;

    • Estomatite;

    • Vômitos;

    • Náusea;

    • Alopecia;

    • Astenia;

    • Aplasia de medula óssea febril;

    • Neutropenia febril;

    • Neutropenia;

    • Trombocitopenia;

    • Granulocitopenia;

    • Contagem de glóbulos brancos diminuída;

    • Parestesia;

    • Tontura;

    • Dor de cabeça;

    • Fração de ejeção diminuída;

    • Taquicardia;

    • Flebite;

    • Dispneia;

    • Faringite;

    • Tosse;

    • Anorexia;

    • Diarreia;

    • Dor abdominal;

    • Dispepsia;

    • Constipação;

    • Aumento das transaminases;

    • Alterações nas unhas;

    • Eritema;

    • Inflamação da mucosa;

    • Pirexia;

    • Mal-estar;

    • Dor no local da injeção;

    • Reação no local da injeção;

    • Edema;

    • Fadiga.

    Consulte um médico se algum destes sintomas for grave e/ou não desaparecer.


    Gravidez

    Como este medicamento é um agente citotóxico, homens e mulheres sexualmente ativos devem utilizar métodos contraceptivos eficazes durante o tratamento e os homens devem continuar utilizando, por pelo menos 3 meses após a interrupção do tratamento com Cloridrato De Dexrazoxano. Cloridrato De Dexrazoxano não deve ser utilizado durante a gravidez, a menos que o benefício seja evidente e indiscutível.

    Não se sabe se Cloridrato De Dexrazoxano é excretado no leite humano. Devido ao potencial de reações adversas graves em crianças expostas ao Cloridrato De Dexrazoxano, as mães devem interromper a amamentação durante o tratamento o fármaco em destaque.


    Contraindicações

    O uso deste medicamento é contraindicado nos seguintes casos:

    • Pacientes com hipersensibilidade ao dexrazoxano;

    • Pacientes mulheres que estejam amamentando;

    • Pacientes que fazem uso concomitante com a vacina da febre amarela, sob o risco de evolução fatal;

    • Pacientes que estejam grávidas.