Seu carrinho ainda está vazio!

Busque um medicamento e adicione aqui para entregarmos os melhores preços.
Bromopan

Bula do Bromopan

0 apresentações
sem oferta :( Ver ofertas

Laboratório

Uci

Referência

Bromoprida

Apresentação de Bromopan

Bromopan® CÁPSULA 10 mg: cartucho contendo 20 cápsulas. Bromopan® SOLUÇÃO ORAL 1 mg/mL: cartucho contendo Frasco com 120 mL, Acompanhado de seringa medidora graduada. Bromopan® GOTAS PEDIÁTRICAS 4 mg/mL: cartucho contendo frasco gotejador com 20mL.

Bromopan - Indicações

Principais: distúrbios digestivos psicossomáticos ad senectude e da estafa mental. Discinesias gastroduodenais e biliares. Colopatias espasmódicas. Enxaquecas e mal-estar de origem celíaca. Náuseas. Vômitos. Anorexia. Particulares: exames radiológicos do tubo digestivo. Preparação de explorações endoscópicas. Vômitos anestésicos. Soluços. Meteorismo abdominal pós-operatório. Manifestações digestivas após a aplicação de radioterapia.

Contra-indicações de Bromopan

Hipersensibilidade aos componentes da fórmula.

Advertências

A bromoprida é normalmente bem tolerada, o que possibilita o seu uso em gestantes, idosos e nos glaucomatosos e diabéticos. Contudo, como ocorre com qualquer medicamento, o emprego da bromoprida deve ser cauteloso durante o primeiro trimestre da gravidez. Pacientes submetidos anteriormente a neurolépticos podem apresentar uma sensibilidade especial a este tipo de produto. No estágio atual de conhecimento, é prudente não prescrever a bromoprida em pacientes com suspeita de feocromocitoma sem controle médico rigoroso. Interações Medicamentosas Drogas atropínicas podem anular o efeito da bromoprida sobre a motricidade gastroentérica. Em pacientes sob tratamento crônico com digoxina, o uso de fármacos incrementadores de motilidade gastrintestinal pode originar uma diminuição nos níveis séricos da digoxina, principalmente se esta for administrada em forma de liberação lenta.

Reações adversas / Efeitos colaterais de Bromopan

Em alguns pacientes submetidos anteriormente a neurolépticos ou que apresentem uma sensibilidade particular a este tipo de produto, a titulo excepcional, o aparecimento de espasmos musculares localizados ou generalizados, espontâneos e completamente reversíveis com a interrupção do tratamento. Outras reações adversas relatadas incluem sonolência, cefaléia, calafrios, astenia e distúrbios de acomodação.

Bromopan - Posologia

Cápsulas: 4 a 6 cápsulas (40 a 60mg) ao dia, em 3uo4 tomadas. Solução Oral: Adultos: 10 mL (10 mg) 4 a 6 vezes ao dia. Crianças: 0,5 a 1 mg (1 ml) por quilo de peso ao di a. Gotas Pediátricas: 0,5 mg (3 gotas) a 1 mg (6 gotas) por quilo de peso ao dia. Esta posologia deve ser fracionada e administrada em partes a intervalos iguais no decorrer do dia.

Superdosagem

Não foram relatados até o momento casos de superdosagem com a bromoprida. PACIENTES IDOSOS O uso em pacientes idosos, geralmente mais sensíveis aos medicamentos, deve ser cuidadosamente acompanhado.

Características farmacológicas

A bromoprida, princípio ativo do Bromopan® , apresenta ação normalizadora da motricidade do estômago, duodeno e jejuno, reconduzindo o tônus e a peristase aos padrões fisiológicos em todos os casos em que estejam alterados. Normaliza também o esvaziamento incompleto ou tardio das vias biliares e possui ação antiemética completa, atuando a nível central e periférico.

Dizeres legais

Lote, Fabricação e Validade: Vide Cartucho. Serviço de Atendimento ao Consumidor: 0800 191291 Farmacêutica Responsável: Dra. Dirce de Paula Zanetti. CRF-SP no 7758 Bromopan® 10 mg com 20 cápsulas: Registro MS nº 1.0550.0139001.-8 Bromopan®Solução oral 1 mg/ml com 120 ml: Registro MS nº 1.0 550.0139.003-4 Bromopan®Gotas pediátricas 4 mg/ml com 20 ml: Registro MS nº 1.0550.0139.004-2 UCI-FARMA INDÚSTRIA FARMACÊUTICA LTDA Rua do Cruzeiro, 374 – São Bernardo do Campo – SP CNPJ 48.396.378/0001-82 – Indústria Brasileira

Bromopan - Bula para o Paciente

Ação esperada do medicamento Bromopan® possui em sua fórmula uma substância chamada bromoprida. A bromoprida exerce sua ação sobre os distúrbios gastrintestinais, responsáveis por varias sensações de mal-estar, como por exemplo, refluxos, muito frequentes no dia a dia. BROMPAN® possui também efeito contra náuseas e vômitos de causas diversas. Cuidados de Conservação Bromopan® deve ser guardado em sua embalagem original. Cápsulas – Evitar calor excessivo (temp. superior a40ºC) e proteger da luz e umidade. Solução Oral e Gotas pediátricas: - Evitar calor excessivo e (temp. superior a 40ºC) e proteger da luz. Prazo de Validade Impresso na embalagem. Ao comprar qualquer medicamento verifique o prazo de validade. Não use remédio com prazo de validade vencido. Além de não obter o efeito desejado, você poderá prejudicar a sua saúde. Gravidez e Lactação Apenas o médico pode decidir sobre o uso de Bromopan® durante a gravidez e lactação. Assim, informe ao médico se houver suspeita de gravidez, durante ou após o uso da medicação. Informar também ao médico caso esteja amamentando. Cuidados de Administração Bromopan® não deve ser administrado simultaneamente com outras substâncias que agem sobre o Sistema Nervoso Central. Siga a orientação de seu médico, respeitando sempre os horários, as doses e a duração do tratamento. Interrupção do Tratamento Não interrompa o tratamento nem troque de medicação sem o conhecimento de seu médico, pois, isto poderá prejudicar o tratamento de sua doença. Reações Adversas Informe seu médico caso ocorram reações desagradáveis com o uso de Bromopan® , tais como espasmos musculares, sonolência, dor de cabeça, calafrios, sensação de cansaço e de incomodo nos olhos. Informe seu médico sobre quaisquer outras reações adversas desagradáveis atribuíveis à medicação. TODO MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS. Ingestão concomitante com outras substâncias Bromopan® não deve ser administrado juntamente com algumas substâncias que agem no Sistema Nervoso Central. Informe seu médico caso esteja fazendo uso de outros remédios. Contra Indicações e Precauções Bromopan® está contraindicado em pacientes sensíveis aos componentes da fórmula. O uso em pacientes idosos, geralmente mais sensíveis aos medicamentos, deve ser cuidadosamente acompanhado. NÃO TOME REMÉDIO SEM O CONHECIMENTO DE SEU MÉDICO. PODE SER PERIGOSO PARA SUA SAÚDE